Nem todo mundo gosta de malhar na academia ou mesmo correr ou andar por vários minutos. Por isso é bom saber que existe formas de treinar, como o HIIT, que possibilitam maior queima de gordura em muito menos tempo.

Dentre as atividades que ajudam você a emagrecer de forma rápida, no melhor estilo HIIT, pular corda é uma das mais eficazes e divertidas.

E se você já faz o Queima 48 Horas e gostaria de treinar mais um pouco, vale muito a pena pular corda.

Pular corda é um dos exercícios mais completos que existem. Ele afina a silhueta, tonifica os músculos e ainda ajuda a combater o estresse do dia-a-dia.

E de quebra você ainda vai desenvolver sua coordenação motora, agilidade e equilíbrio. Além disso, como estimula o sistema cardiorrespiratório, você vai fortalecer seu pulmão e coração e ficar com muito mais fôlego.

O melhor de tudo é que o treino de corda complementa perfeitamente sua rotina com o Q48 Horas.

Pular Corda Emagrece?

Com certeza é uma ótima forma de perder barriga rápido. Vamos aos números para provar como emagrecer pulando corda:

Os especialistas dizem que você elimina 400 calorias, no geral, ao pular corda por meia hora seguidamente. (Continue lendo até o final deste artigo para você descobrir um jeito radical de pular corda que vai aumentar ainda mais a queima calórica!)

Assim, quem se determinar a pular corda por 30 minutos nos próximos 15 dias, poderá perder até 4 quilos.

Na teoria são 8 quilos a menos por mês, dependendo do metabolismo da pessoa e de sua alimentação.

BANNER Q48 CORDA

Descubra Como Emagrecer Pulando Corda

Pular corda gasta mais caloria do que correr ou caminhar, mas também exige mais esforço físico, como você vai notar quando começar a atividade.

Por isso, nada de imaginar que já conseguirá dar conta de 30 minutos logo no primeiro dia. O ideal é começar com calma, principalmente se você está a muito tempo sem fazer exercícios.

Nos primeiros dias ou semana dependendo do seu estado físico, comece pulando corda por uns 10 minutos e obedecendo ao ritmo que você suporta.

Complete a meia hora com outro exercício mais leve como caminhar, por exemplo. Vá observando como você se sente e aumente o ritmo e/ou o tempo conforme ficar mais resistente.

A falta de coordenação motora também pode atrapalhar um pouco no começo. Pode parecer o contrário, mas pular corda não é tão fácil. Para algumas pessoas, na verdade, trata-se de um verdadeiro desafio de coordenação.

Uma boa maneira de começar é amarrar uma ponta da corda em algum lugar e você segurar a outra ponta como se estivesse batendo corda para outra pessoa. Sempre que a corda bater no chão, você pula. Isso ajudará a coordenar seus movimentos com o da corda.

Quando estiver treinado, passe a pular corda segurando as duas pontas com a sua mão, mas com uma frequência leve e pulos bem baixinhos.

Tome alguns cuidados na hora de pular corda para dar tudo certo e você se sentir incentivado a continuar. Por exemplo: compre uma corda que tenha o tamanho correto para a sua altura.

Aprenda a medir isso. Na loja, meça a corda e pise em cima da metade dela, enquanto segura as pontas com as mãos. As extremidades da corda devem estar na altura da sua cintura para ter o tamanho ideal.

As melhores cordas para se exercitar são as de cabo de aço revestidas de vinil, com roldanas. Elas são conhecidas como speed rope, ideal para realizar os saltos duplos (continue lendo para saber mais).

Apesar de populares, as de sisal ou náilon são muito leves e atrapalham os exercícios.

Este não é o modelo ideal para pular corda.

Este não é um bom modelo para pular corda de um jeito sério. Vá atrás das speed ropes.

Cuidados para Quem Quer Emagrecer Pulando Corda

Anote algumas dicas que irão ajudar na hora de pular corda:

O ideal é pular corda em locais que tenham piso emborrachado ou grama. Se você só pode fazer seus exercícios em outros locais como os de cimento ou asfalto, capriche na escolha do tênis para ter um bom amortecimento e não prejudicar o seu joelho. Já existem modelos com bons amortecedores.

Os locais abertos e bem ventilados ou espaços ao ar livre são os melhores para esse tipo de exercício. Quem vai se exercitar dentro de um cômodo deve calcular bem se a corda não irá bater em objetos ou paredes, o que complicará a atividade.

Faça algum tipo de aquecimento antes de pular corda, como uma corrida no mesmo lugar, pulinhos pequenos ou caminhada

Deixe uma garrafa de água ao seu alcance para se hidratar enquanto faz o exercício. Lembre-se que se trata de uma atividade aeróbica

Quando você se sentir craque em pular corda da maneira tradicional, arrisque algumas variações para melhorar seus resultados. Você pode pular tirando os dois pés do solo ao invés de apenas um. Ou levante os joelhos formando um ângulo de 90 graus a cada pulo. Pule com uma perna só e depois com a outra. Também é possível pular corda abrindo e fechando a perna. O importante é você se sentir sempre incentivado a continuar.

Está Mesmo Craque em Pular a Corda?

Então está na hora de testar seus limites e elevar suas habilidades a um novo patamar =)

Conheça o double under, ou o salto duplo de corda, popularizado hoje em dia pelos praticantes de Crossfit. Agora que você já está mandando bem na corda com os saltos normais, que tal tentar os saltos duplos?

Nos double unders, a queima calórica é ainda mais intensa que nos saltos normais.

Aprender o double under vai exigir um pouco de prática e tempo (além de uma boa corda: procure pelos modelos speed rope, de cabo de aço e roldanas), mas você chega lá. O vídeo abaixo dá algumas dicas:

 

AUTORA: DANIELA SCHIAVON – Blogueira especializada em saúde e boa forma, avaliadora de produtos e suplementos. – Saiba mais sobre a autora

Gostou do artigo? Tem dúvidas? Deixe seu comentário! ;)